terça-feira, 23 de junho de 2009

Especuladores conseguiram o que tanto queriam! Eduardo Paes autoriza demolições no Leblon!

Clima de festa nas empreiteiras. Mais dois imóveis no Leblon serão demolidos para construção de prédios! Um casarão na rua Almirante Guilhem, onde funciona uma escola, e um prédio de 3 andares na rua Dias Ferreira virão à baixo em breve, soterrando história e importância arquitetônica. Quem faz a denúncia é o jornal O Globo, na reportagem Um Bairro Que Cai.

Segundo levantamento da reportagem, a Prefeitura recebeu nos últimos nove meses mais 10 pedidos de licença de demolição, além dos citados acima, em que o governo municipal já deu parecer favorável. Os projetos dos novos empreendimentos a serem construídos já teriam inclusive sido aprovados pela Secretaria Municipal de Urbanismo. Como as coisas funcionam rápido quando há tantos interesses em jogo, não?

O casarão da Almirante Guilhem se tornará um prédio de 6 andares, com 12 apartamentos e garagem subterrânea. O proprietário da construtora que comprou o imóvel aposta inclusive que todas as unidades serão vendidas sem sequer lançamento oficial do empreendimento! Fica claro o motivo de tamanho interesse das construtoras em demolir de uma vez todos os prédios antigos do Leblon.

É ruim para o bairro, péssimo para a cidade. Ocorrerá um grande adensamento populacional na área, que hoje é uma das mais nobres, e com altos índices de qualidade de vida. O trânsito se tornará caótico. A luz solar nas ruas vai desaparecer, como já acontece em vários bairros, a exemplo de Copacabana. Isso tudo sem contar a perda irreparável das belas construções antigas, de grande valor arquitetônico. Até que a área deixe de valer o que vale hoje, e os especuladores mudem sua atenção para outro lugar, deixando o bairro degradado.

Começou a nova corrida imobiliária no Rio! Eduardo Paes deu a largada!

Nenhum comentário: