quarta-feira, 27 de maio de 2009

"Ilegal, e daí?" Paes diz que painés ilegais na Linha Vermelha vão continuar!

Eduardo Paes começa a se mostrar de verdade para o povo carioca. Como mostra notícia publicada pelo O Globo, painéis publicitários exaltando a candidatura do Rio às Olimpíadas de 2016 foram instalados na Linha Vermelha, onde a publicidade em outdoors é proibida para não desviar a atenção de motoristas e não poluir visualmente a cidade. Tanto o Prefeito quanto seu Secretário Especial de Ordem Pública, Rodrigo Bethlem, afirmam que os painéis não são de propaganda, mas sim "campanhas institucionais", e Paes afirma que eles vão continuar a ser usados pela Prefeitura em outras campanhas.

Assusta a falta de bom senso e semancol das duas "autoridades" públicas, já que a questão em si não é nem sobre se é propaganda ou não, mas sim o desvio de atenção dos motoristas em uma via de trânsito rápido, o que pode causar graves acidentes.

Diz a reportagem do O Globo: "Segundo o promotor Marcus Leal, da 3ª Promotoria de Meio Ambiente do Ministério Público estadual, o caso suscita dúvidas e pode vir a ser investigado pelo MP. - O Código de Posturas faz menção à propaganda particular e à publica, mas não especifica casos de campanha institucional. Ainda assim, entendo que não importa o conteúdo da mensagem, mas sim o veículo em que ela está sendo anunciada. Um painel instalado numa via expressa como a Linha Vermelha é considerado irregular porque tira a atenção do motorista - explica o promotor."

O Deputado Estadual Luiz Paulo, que é mestre em engenharia de trânsito e já foi secretário municipal de Transportes, faz coro, afirmando que em vias expressas, onde o limite de velocidade chega a 90 km/h, um outdoor afeta a conduta dos motoristas. O também especialista em transportes, professor Paulo Cesar Martins Ribeiro, compara o risco de olhar o outdoor ao de se atender o celular ao volante.


A Prefeitura, porém, tem feito mega-operações para reprimir propagandas irregulares pela cidade, mas parece que a regra não se aplica à propaganda da própria! Lembrem também dos carros da Guarda Municipal que ficaram estacionados na calçada, impedindo totalmente a passagem dos pedestres, enquanto pelo resto da cidade o "Choque de Ordem" multava e rebocava veículos cometendo a mesma infração. Será que a regra não vale para o poder público? Ou a atual Prefeitura se sente acima das leis?

Nenhum comentário: